Cole o Código do Banner

13 de mar de 2007

O amor...


_ Não, não quero mais e pronto.
_ Te amei até demais, cansei.

_ Vem amor, vem.
_ Vamos fazer uma parceria,
uma sintonia mais fina ainda.

_ Nossa vida é fugaz, por isso,
renovo meu amor, minhas juras,
de paixão.

_ Vivemos do amor sua plenitude.
_ Colhemos todos os frutos,
os podres e os saborosos também.
_ Vem minha vida, meu caminho,
preciso de tua guia.

_ Já disse que acabou,
ta surdo?
_ É muito tempo para se estar junto,
quero novas silabas, novas rimas,
antigos desejos.

E assim a madrugada tomou forma.
A lua tímida em sua vergonha
quarto minguante observava de longe,
um amor, esse amor, desistir.

_ Olha minha Maria, Joana, Marina,
amor...

_ Nem lembrar meu nome,
lembra mais... credo!

_ Não amor, sabe que sempre
terei teu nome gravado no coração.

_ Ufaaa!!!

Já se faz dia e os sorrisos
voltam a sorrir nos rostos
dos pouco apaixonados.

_ Tá linda com esse vestido.

_ Você também não esta nada mal.

_ Vamos então?

_ Vamos...


indo...rs


_ Menina, lembra que dia é hoje?

_ Claro é aniversário do pequeno André.

_ Isso, mas foi também quando nos
beijamos pela primeira vez.
_ Não lembra?

_ Agora que falaste lembro sim.
_ Mas sabes que sempre fui ruim com datas.


_ Amor, antes de chegarmos,
me diz uma coisa com sinceridade?

_ Tudo o que quiser, sempre foi assim.

_ Menina minha, você acha
que nosso amor esta acabando?
Que nossos dias de paixão,
já não são mais os mesmos?

_ Que nada querido,
ainda temos muito tempo juntos.

Seguiram em seus pensamentos,
em suas duvidas de quem ama recente.

_ Será que ela já não me ama?
_ Existirá uma outra pessoa?

_ Como ele esta bonito hoje.
_ Hoje não, sempre foi um pedaço
de tentação...

_ Querido!
_ Será que virão todos?
_ Queria tanto beijar todo mundo.

_ Vão vir sim.
_ Eles vem todos os anos.
_ Eles nos amam muito ainda.


“PARABENS PRA VOCÊ”.
“NESTA DATA QUERIDA...”

_ Tin-Tin ... Tin-Tin...

_ Por favor, minha gente.
_ Silêncio...
_ Obrigado.

_ Aproveitando que estamos todos aqui,
quero propor um Super Brinde,
pelos setenta anos de casamento da Bisa
e do Biso.

_ VIVAS! VIVAS! VIVAS!


Na volta, ainda cedo,
o silêncio reina entre os dois.

_ Como amo esse homem.
_ Como ele me fez feliz esses anos todos.
_ Vem cá meu velho, me dá um beijo,
mas daqueles sem vácuo.

_ Que bom que tenho minha menina,
ainda menina, ao meu lado.
_ Mas como pensar apenas na eternidade
do nosso amor.
_ Como ela poderia ser só minha
infinitamente se haverá sempre
poetas por ai, procurando sua musa.

_ Parabéns, minha menina.

_ Parabéns, meu menino.


Ano que vem, estarão todos,
outra vez, testemunhando
O AMOR.


_ Beijo Vó!
_ Beijo Vô!

Creative Commons License
Esta obra está licenciada por

Licença
Creative Commons
.

5 comentários:

Elâine disse...

Nada mais tranquilo, belo e verdadeiro que o amor eterno.
Bela poesia que reflete momentos reais de amores perenes e absolutos.Singeleza, ardor, paixão e amor em forma de palavras.
Linda demais poeta. Parabéns!

Tereza Rachel disse...

Meu poeta lindo, maravilhoso, sensacional, tudo.Agora você tá com a mania de nos pregar peças em nossos corações.
Que texto singelo e cheio de amor.

Adoro tudo em você.

Mil beijos

Amelia disse...

Emoções, suspenses e muitas energias, seus poemas vem nos passando.
Este é o amor puro, cultivado, curtido, regado, e que as pessoas não acreditam mais que exista, mas ele está ai, sempre junto de quem osoube aprimorá-lo!!!
PArabéns poeta
Beijo

Conceição Bernardino disse...

Avancemos com o amor

avancemos com o amor
porque a partir de hoje
esquecemos tudo o que
nos soa a duvidoso
valor estendemos nas
mãos o tecido das nossas
trocas amor vem comigo
retomar o caminho em
que nos soltámos um dia
em passeios pela
alma

Poema da autora “Marita Ferreira” do livro “Múltiplos de ti”

Vale apena reflectir neste poema está cheio de verdade
Beijinhos
ConceiçãoB
http://amanhecer-palavrasousadas.blogspot.com

nanci cerqueira disse...

Poeta, me emocionou tua poesia e logo a música, me fez chorar, este grito de amor e verdade entre os seres, esta vontade do eterno, o que é eterno hoje? Só um verdadeiro amor que dure 70 anos juntos, e com isso a eternidade das alma, com os anjos protegendo, que se admirem e sintam ciúmes bons e um carinho extremo, que agradeça a presença após uma vida aqui vivida, que se curtam como no primeiro beijo, que se admirem e sintam agradecidos por estarem juntos, que sintam que os anos não passaram para a beleza que sempre viram um no outro, pois o amor entre duas pessoas quando real e verdadeiro os anos não passam, pois a beleza de se ver continua a mesma de anos atrás, pois o sentimento não muda a beleza, aceita com carinho e admiração os anos passados, agente não sente as mudanças, pois está junto e admirando cada dia cada instante, curtindo o grande amor, não sei se isso é um sonho de uma grande sonhadora que sou, mas sempre sentir que amor é isso, viver, viver felizes e morrer juntos!


Vem amor, vem.
_ Vamos fazer uma parceria,
uma sintonia mais fina ainda.

_ Não amor, sabe que sempre
terei teu nome gravado no coração.

Um grande beijo poeta, e obgd por nós fazer sentir emoções inéditas, como esta poesia nos transmite, o que é um amor pra vida toda. Obgd por esta emoção! Ainda existem pessoas no mundo que pensam assim. Você!!!