Cole o Código do Banner

1 de mai de 2007

Entendendo vocês...


Um dia,
já um tempo atrás,

me disseram assim:

"Você me alucina
e tudo fica desconexo.
Não sei mais onde você termina
e nem aonde eu começo."

Tantas luas e paixões se passaram
e não consigo, uma vez por outra,
deixar de pensar você me dizendo
assim baixinho, depois do amor.

"Você me alucina
E tudo fica desconexo.
Não sei mais onde você termina
E nem aonde eu começo."

Tentando entender o que disse,
já perguntei a cegos e viajantes.
Cobrei resposta até de um feirante,
assim como de uma prostituta.

E todos, se exceção, sempre
responderam;

_ Pergunta pra ele...

Quem será esse "ELE".
Pode ser Deus?
Pode ser o destino.
Pode ser o incerto.
Quem será que poderá ,
acabar com essa agonia?

Seu nome é Antonia Francisca.
Bonita mulher, elegante, educada,
fogosa com seus desejos,
difícil de esquecer.

Voltei, procurei por ela.
Liguei as amigas, amigos,
compadres e cúmplices,
mas nada de Antonia Francisca.

No antigo endereço,
ninguém sabe pra onde foi.
No trabalho, dizem que viajou,
pra longe,
Pai e mãe, não conheci.
Irmãos, nem sei se tem.

Mas ao lembrar das coisas
que gostava de fazer,
ainda corre um frio pela
espinha, ainda sinto gosto
de pecado na boca.

Passado esse tempo de procura
sem respostas, não é que hoje
sem mais nem menos, surgem a minha
frente, seis Antonias Franciscas.

Sério mesmo, só pode ser destino.
Essas seis mulheres, que hoje,
de mim, fizeram gato e sapato,
só posso descrevê-las assim;

_ Vocês me alucinam
e tudo fica desconexo.
Não sei mais onde vocês terminam
e nem aonde eu começo.

_ E sair correndo,
perguntar ao coração,
o que fazer...

6 comentários:

ana wagner disse...

Então, poeta? Seis Antonias Francisca?!
rsrs
Você que nos alucina com esse jeitinho sedutor e romântico e com esses poemas arrebatadores. Agora tem que aguentar! Tem que pagar o preço de teu fascínio...beijos poéticos!!

AMELIA disse...

Rilton só você, mesmo!!!
Por isto que sumiu? Veio a inspiração?
Adorei, muito, mas muito mesmo!!!
E hoje sem medo, de dizer, eu digo, te amo, como pessoa, como amigo!
beijos
Antonia Francisca!

poemas disse...

Acho que matei essas seis Franciscas rssssssssssssssssssssss Poeta vc é uma figura!!!!
Muito legal esse poema,humor e sedução como sempre. mas...o feitiço as vezes vira contra o feiticeiro!!
Cuidado com as Franciscas!!!

Rita disse...

Muito interessante...E o coração respondeu? Gostei. Bjks

Tania Medeiros disse...

PERFEITO!!!
VC É DEMAIS!!!!
BJUSSSSSSSSSS

nanci cerqueira disse...

Poeta, és fascinante com teus sentimentos, com tuas palavras juntas, só pessoas dotadas tem esta capacidade de desejar e amar varias Fanciscas, kkk nós normais não temos, Deus deveria ter nos dado esta competência, seriamos mais feliz por ter vários amores, não sentiríamos a falta do único. Lindo teu poema!!!

Mas ao lembrar das coisas
que gostava de fazer,
ainda corre um frio pela
espinha, ainda sinto gosto
de pecado na boca.

Passado esse tempo de procura
sem respostas, não é que hoje
sem mais nem menos, surgem a minha
frente, seis Antonias Franciscas.

O amor é o maior dos sentimentos, depois da paixão, e vem sempre através de desejos, curtições e vontades. A aspiração de varios amores e a correspondências deles deve deixar qualquer coração acalentado. És um cara privilegiado poeta. Um beijo.