Cole o Código do Banner

15 de set de 2007

Misto Quente com Amor...


Você gosta de misto quente?
Eu gosto e muito, mas não é
de sanduíche que quero falar,
e sim do que me emociona hoje...

- Então porque o misto quente?
- Parece doido.
- Se quer brincar, procura tua turma.

_ Calma cara, o artista aqui sou eu,
logo... logo, só eu posso ficar emocionado
e brigar com você.

_ Vê se te segura... hahahahah

- Fala logo poeta, deixa de enrolar.
_ Afinal o misto quente ta esfriando e você nada.

_ HAHAHAHAHAHAHAH, pra você também...

- Tudo bem patrão, é o seguinte;

- Sem culpa alguma no cartório, tenho estado
meio dengoso já faz uns dias e o patrão sabe
como adoro um dengo, um chamego, um carinho
de amor.

_ Ta, e daí?

- Bem, hoje andei passeando pela rede.

_ Rede, que rede, poeta?

- A rede, a tal WWW e não é que fui parar
no Orkut.
- Negocio danado de bom pra se conhecer gente.
- Não acha?

_ Sei, mas...

- Como ia dizendo, você patrão, por um desses erros
da modernidade, foi obrigado a trocar de cara e lugar
no tal do Orkut.
_ Até ai tudo bem. Sei o quanto você é desligado dessas coisas,
logo, alguma coisa de errado tinha que acontecer.
_ Continuando, vi você comunicando as pessoas amigas da tal mudança.
_ Pra algumas você mandou recado, pra outras depoimentos.
_ Pra algumas o link errado, pra outras apenas um cumprimento.
_ Até rimou patrão, tô ficando bom nisso... rs

- Anda me espionando agora poeta?
_ Você sabe que não gosto disso.

- Sempre patrão, sempre... rs

_ Bem, voltando...
_ O que me alegrou foi conhecer algumas pessoas,
as suas meninas.
_ Patrão tem cada uma... UHAUUUUUUUU!!!

- Olha a confiança poeta.

_ Foi mal, foi mal.

_ Pois não é que aquela loira bonita correu pra tua
nova pagina, sem nem ao menos questionar nada.
_ A outra do Sul dos pais, veio que veio com um sorriso
maior que coração de mãe.

_ Patrão! E aquela que por causa do link errado,
perguntou se o patrão era mulher, já que o link
acessava a pagina de uma menina.

_ Da morena não posso esquecer, que coisa linda patrão.
_ Aqui pra nós, como o senhor faz pra conhecer
mulheres tão bonitas assim?
_ Pode dizer que não conto nem pro Sorriso.

_ Ok!
_ Ok!

- E o que tem isso demais?
- O que afinal te emocionou?

_ Patrão, o que tem de mais?
_ O Patrão é um homem de sorte mesmo e nem sabe.
_ Tem um monte de mulheres lindas e maravilhosas
como amigas (se tem alguma mais que amiga isso já não é comigo)
que pelo jeito dão todo o carinho e amor que o patrão precisa.

_ O que tem de mais?

_ Quanto custam à consideração, a atenção, a paciência
com que elas todas te tratam.

_ Algumas são zangadas, outras meigas.
_ Tem aquelas que abrem seu coração,
outras que vivem tua emoção.

_ Sinceramente patrão, parabéns e aproveita
para dizer a todas, em meu nome, que as amo
desde já e para sempre.

- É poeta você tem razão mesmo, sou um homem de muita sorte.
- Mais alguma coisa?

_ Não patrão, só isso... rs
_ Boa noite.

- Espera, não vai sair assim não.

_ O que foi patrão?

- Você falou e no fim nada do tal misto quente.
- Afinal o que misto quente tem a ver com isso tudo?

_ É simples patrão.

_ O misto é a junção de duas fatias de pão, presunto e queijo,
assim como você e suas amigas.

_ Mas como poeta?

_ Assim:

. As duas fatias são as vidas em separado
do patrão e de cada uma delas.

. O presunto por ser mais forte que o queijo
é o respeito que o patrão sente por todas.

. O queijo, por ser da cor amarela, cor do ouro, valioso,
é o amor que existe entre o patrão e elas.

_ Entendeu agora, simples assim?

- Entendi, mas não convenceu muito não.

_ Tudo bem então.
_ Pra ficar tudo bem entendido, fica assim então.

_ Pegue a quentura do misto quente, junte o amor,
o carinho, o respeito e as emoções,
misture bem, separe do Orkut e siga com elas todas
em seu coração pra todo o sempre.

- Obrigado poeta...

_ Boa noite patrão.



Creative Commons License

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.

5 comentários:

Luciany Luadv disse...

Lembra de um "Presentinho" q fez p mim, pois é... agora é a minha vez... vai lá...
Tem um presentinho p vc tb.
hehe...
Bjs

Elâine disse...

Você e suas "meninas-musas" são um
caso sério
Vcs são:"Misto-quente
(Quente! Quente! Quente!)
Sanduíche de gente...."
Um conto divertido e inteligente. Adorei.

R.Cássia disse...

Nossa! Que diálogo delicioso... rsrs... Adoro misto quente! Melhor ainda na boca de um poeta ou servido ao patrão... Mil Bjks

Amélia disse...

Sensacional!!! Adorei o diálogo do poeta com o homem, e o misto-quente...hummmmmmmm deliciosa comparação!
me deu até vontade de dar uma dentada..rsrsrs
beijos

nanci cerqueira disse...

Poeta, kkkk minha mãe, mandou te perguntar, se seu patrão te paga bem? kkk
Pois você merecer ganhar muito bem kkkk, palavras dela kkk Você simplesmente deu um lindo show neste poema, teu dialogo com o patão é hilariante, o relato dos fatos reais, maravilhoso kkk, descreves quem és com tua verdade de ser e de amar, de respeitar todas tuas amigas, de encantar corações e almas, és um lindo feiticeiro do amor!!! Parabéns menino!!!


Tudo bem patrão, é o seguinte;

- Sem culpa alguma no cartório, tenho estado
meio dengoso já faz uns dias e o patrão sabe
como adoro um dengo, um chamego, um carinho
de amor.

_ Ta, e daí?

- Bem, hoje andei passeando pela rede.

_ Rede, que rede, poeta?

- A rede, a tal WWW e não é que fui parar
no Orkut.
- Negocio danado de bom pra se conhecer gente.
- Não acha?

_ Sei, mas...

És um cara privilegiado, com muita sorte! Teu jardim tem muitas flores, flores com cores diversas, encantando olhos comuns e incomuns kkk Flores com perfumes, fortes, delicados e sutis, pra todos os teus gostos! Que tua luz brilhe neste jardim iluminado as almas queridas! Sempre... Sempre! Te amo menino, te admiro cada instante! Um beijo iluminado!

Misto quente pra nós kkkk