Cole o Código do Banner

25 de mar de 2008

Momento Teu...


Saudade se sente
quando se quer.
Ausência se vive
quando acaba o sonho...

Por isso,
Agora, nesse teu minuto de hoje,
quero ser o caminho livre,
o modo fácil, a solução,
o final dos teus problemas.

Quero viver teus erros
e sem medo consertá-los
sem apontá-los pra ti.

Hoje, agora,
quero ser a tua necessidade,
a tua única saída, teu ultimo
porto de amor.

Nesse momento só teu,
quero que me chames,
quero que necessites de mim,
nem que seja nesse instante
tão comum do meu dia,
em que fico com vontade de
beijar teus olhos e de
sorver teu gosto nesse
olhar, que sei menina,
ser tão, só teu...



Creative Commons License

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.

2 comentários:

R.Cássia disse...

Bom Dia Poeta Encantado!
Bonito poema, mas, discordo apenas quando diz: "Saudade se sente quando se quer..." A Saudade é senhora de si, ela chega muitas vezes sem avisar, toma conta e dói, mesmo que façamos de tudo para não senti-la. Mil Bjks!

Nanci Cerqueira disse...

Poeta, a saudade é coisa boa, a saudade é o que faz a vontade permanecer, a saudade materializa o nosso querer, a saudade ativa as emoções, faz bater forte o coração... mesmo doido, sofrido... a saudade nos alucina, mas anima a alma! Menino,é muito bom nos sentir importante pra quem amamos, ser a luz no final do túnel e mais ainda sentir que existe alguém que pra nós é “TUDO”... caminho, brilho, vida, alegria, renascimento... unificação dos corações! Parabéns pelas linda palavras!


Por isso,
Agora, nesse teu minuto de hoje,
quero ser o caminho livre,
o modo fácil, a solução,
o final dos teus problemas.

Quero viver teus erros
e sem medo consertá-los
sem apontá-los pra ti.

Hoje, agora,
quero ser a tua necessidade,
a tua única saída, teu ultimo
porto de amor.

“Ser a tua necessidade...” Fantástico poeta, é tudo que uma Mulher sonha!

Lindo...lindo!!!

Te beijo