Cole o Código do Banner

3 de ago de 2008

Dança da solidão...



Solidão é lava
Que cobre tudo
Amargura em minha boca
Sorri seus dentes de chumbo...

Solidão, palavra
Cavada no coração
Resignado e mudo
No compasso da desilusão...

Viu!
Desilusão, desilusão
Danço eu, dança você
Na dança da solidão...

Camélia ficou viúva,
Joana se apaixonou,
Maria tentou a morte,
Por causa do seu amor...

Meu pai sempre me dizia:
Meu filho tome cuidado,
Quando eu penso no futuro,
Não esqueço o meu passado
Oh!...

Desilusão, desilusão
Danço eu, dança você
Na dança da solidão
Viu!
Desilusão, desilusão
Danço eu, dança você
Na dança da solidão...

Quando vem a madrugada
Meu pensamento vagueia
Corro os dedos na viola
Contemplando a lua cheia...

Apesar de tudo existe
Uma fonte de água pura
Quem beber daquela água
Não terá mais amargura
Oh!...

Desilusão, desilusão
Danço eu, dança você
Na dança da solidão
Viu!
Desilusão, desilusão
Danço eu, dança você
Na dança da solidão...

Danço eu, dança você
Na dança da solidão...

Desilusão! Oh! Oh! Oh!..


Musica de:
Paulinho da Viola

_ Quem da solidão se alimenta,
sabe que no futuro,
continuará com fome
de amor...

Rilton

2 comentários:

nanci cerqueira disse...

Poeta, tuas palavras são verdadeiras...

“_ Quem da solidão se alimenta,
sabe que no futuro,
continuará com fome
de amor...”


Solidão, palavra
Cavada no coração
Resignado e mudo
No compasso da desilusão...

Danço eu, dança você
Na dança da solidão...
...

Mas, a solidão é também uma linda companheira... protetora dos nossos corações quando neles existem um sonho de amor! Os sonhos tem que serem protegidos para não serem maculados! Fantástico poeta!

Te beijo na minha linda solidão... kkkk

cristina disse...

querido poeta ( lindo poeta)
desse modo...
nos leva á uma grande viagem...
te amodoro