Cole o Código do Banner

28 de fev de 2007

Webcan ... Som ... Paixão.


Quem sabe teu brinco
que de dourado seja eterno
como é tua paixão.

Que teus cabelos,
que de negros
nos trazem à noite.

Que convide a lua
pra ser cúmplice,
nosso imã
em um sereno de rosas.

Uma rosa apenas
queria ter
pra adorná-la
com teus cabelos.

E ficas assim
meio assim apenas.
Somente sorrindo,
quase desconsolada,
mas viva em teu sorriso.

A distancia faz o suspiro mais forte,
mais profundo.
E que a música com bons acordes,
imite o bater ritmado dos corações
que agora, de longe,
seguem sem se ver.

Seguem apenas sentindo
sorrindo a vida
que pode ou não
nos presentar com esperanças,
acompanhada da felicidade.

Vem distância.
Vem encurtar esse desejo.
Vem acabar e deixar
de ser presente,
para que mesmo, de longe,
possamos apenas namorar e
viver nessa paixão real.

Creative Commons License
Esta obra está licenciada por

Licença
Creative Commons
.

4 comentários:

nanyxms disse...

Poeta, esses versos me pegam pela mão
e me conduzem a sonhos felizes, vida e amor.
Amor sim, paixão é efêmera como a beleza das rosas, porém o amor e a beleza do que escreveu são eternas como o perfume que exala nas rosas e na poesia.
Amei demais!
A foto é linda, mas...

Amelia disse...

Distância, esta palavra só existe quando não queremos derrubá-la.

Lindo poema, um misto de paixão e erotismo, erotismo que sempre deverá existir entre um homem e uma mulher, para que a paixão não morra.

Muito envolvente...parabéns!!
Beijos

Ellu disse...

Poeta...Amei!


Amei essas letrinhas todas juntas...rs
Para um poeta a resposta nunca é direta, sempre vem para decifrar.
Não importa a distância!
Quando o amor chega...ele vence tudo...vai atravessando todas as barreiras.
Beijinhos!

nanci cerqueira disse...

Poeta, sempre acreditei que tudo na vida tem que existir paixão, no amor mais ainda, pois uma paixão amadurecida se transforma num grande amor e depois desta transformação a paixão tem que estar junto, porque a paixão é a engrenagem do dia-dia, ela não deixa que a rotina se instale e as cores fiquem opacas. A paixão faz com que a distancia desapareça e sempre exista a esperança! Tuas palavras brincam com nossos corações.

Vem distância.
Vem encurtar esse desejo.
Vem acabar e deixar
de ser presente,
para que mesmo, de longe,
possamos apenas namorar e
viver nessa paixão real.

Um beijo poeta.