Cole o Código do Banner

29 de out de 2011

Partimos ontem...



Oi...

Deixamos Lumiar e vamos dar uma boa esticada até Poços de Caldas, mas como vamos parando e sem pressa, a coisa fica gostosa.
Dormiremos por lá hoje.
Descemos até Barra Mansa, pegamos a Dutra e fomos em direção a Cachoeira Paulista, Guaratinguetá, Pouso Alegre até Poços.

Dura a viagem, mas rimos muito de nossos dias, jeitos e felicidade.
Pitanga é demais dirigindo.

Levamos duas multas por excesso de velocidade...
A primeira ela estava só a 182 Km/h e passou batida por um posto da PRF.
Na outra foi injustiça pura... ela estava só a 155 km/h numa área com limite de 60 km/h
Dá-lhe Renata.
Perguntei se as duas motos que rebocamos na carreta atrás, ligaram a seta, pedindo passagem.
Ela tem o pé direito um bocado pesado.
 
Mas...

Chegamos e amanhã partiremos para Presidente Prudente seguindo domingo para Bonito. Isso se a vontade bater, senão ficamos onde der na telha... rs

Soubemos que em Andradina tem uns lugares muito bons para trilha.

Renata adora mato eu já sou mais asfalto com muita vontade de arriscar... rs

Noticias boas!

***
Hoje esta fazendo 36 dias que não fumo e 22 que não sinto o cheiro de um refrigerante (Pepsi) é claro.
Outro não gosto.

"QUERER É PODER"
DE VERDADE...
PARA TUDO NESSA NOSSA CAMINHADA CHEIA DE DIAS MARAVILHOSOS, QUANTO DE MOMENTOS TERRíVEIS EM QUE SOMOS POSTOS A PROVA. 
VENCEREMOS MAIS ESSA E TODAS AS QUE APARECEREM E PONTO.

Estou quase um padre, mas jamais pedófilo... rs

***
Pitanga esta escrevendo contos e poemas muito bons...
Logo estará postando no Viagens também.

Amanhã tem mais...

Para não perder o hábito...





Perfeito Encaixe

Sabe menina, os lençóis guardam segredos lindos e proibidos?
Muitas sensações não inventadas e sim sentidas,
em que dividimos e que são testemunhas dos já famosos;

"MAIS BEIJOS" só nossos e como são longos e não só ardentes, mas sim, uma delicia. 

Nossas mãos, que loucas nos passeiam,
encontrando desejos teus e minha/tua casa das águas...
Contemplam e vivenciam teus gemidos de fêmea minha e meus gemidos nada contidos da satisfação real que me fazes sentir.

Nossos lençóis são cúmplices de extremas explosões de desejos.
Guardam constantemente você e eu, nesse nosso encaixe perfeito...

Você ao querer viver essa nossa fogueira de amor, só a faz ficar mais viva e vibrante.

Você que sempre desce por meus caminhos,
procurando-me,
encontrando-me,
até provar-me mais uma vez,
tenha-me sempre mais e me encante.

Enquanto eu, nada passivo, exploro teus vales, bicos e becos, picos e cume.
Não há pressa em chegar.
Você jamais será metade, nem pedaço...
és inteira.

Menina, moleca sapeca, mulher faceira,
envolta em nada, rola em mim pela cama,
incendeia o amor contido que precisa e tem fome em ser consumido.

Te gosto de verdade, quase tanto quanto te amo.

Escrevi demais, vamos dormir...
 


Creative Commons License Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.

2 comentários:

Andréa - (My Cap) disse...

Oi Rilton, tudo bem?
Diz uma coisa, vocês estão de lua de mel, ou é mais uma de suas loucuras em viajar pelo Brasil e o mundo?
Fico super feliz em sentir que esta muito feliz. A muito tempo não vejo tantas letras apaixonadas.
Toma jeito menino e para de derreter corações pelo mundo...kkkkkk

Adoro teus poemas e contos a muito tempo.
Será que vai lembrar de mim?

Um beijão.

R.Cássia Púlice disse...

Que delícia é poder viajar, ver o mundo com os olhos do tempo e o vento. Sentir o sol, o céu, e as gotículas de chuva quando vêem brindar a estrada e os vidros que protegem a vida...
Parabéns pelas escolhas.
Parabéns infinitamente pela principal escolha: a de ter mais saúde para curtir o amor e todos os momentos que ele proporciona.
Tim Tim! Naturalmente!!!
Bjks.